O pior papai do mundo?


Confesso que a cada dia que se passa, mas distante fica para mim de se chegar a fórmulas secretas e macetes corretos para criar bem o meu filho, a televisão diz uma coisa, o jornal e revista outra, os estudiosos e antenados também diferem, os avôs na maioria dos casos, estragam. 

Não pode bater? Pode castigo? Falar alto? Já ouvi pessoas falarem: filho é sorte, como ganhar na loteria. Não concordo com muitas coisas, já bati na mãozinha do meu, quando ele deu um tapa forte e certeiro no meu rosto, na verdade, não sei quando ele vai entender, só sei que ele não faz mais. Já o assustei para ele não mexer na tomada e levar um choque; já apaguei a luz para ele dormir rápido e chorou uns dez minutos e depois caiu no sono. Sou um papai terrível, por isso? Sei que muitos que estão lendo podem se identificar ou não. Tem uma receita? Acho que também não! 


Mas, eu também deixo a minha barriga se tornar um tambor e arrancar muitas risadas do tocador; faço casinha de lençol e sons de bichos e vozes engraçadas; faço muitas vezes o que não tenho a mínima vontade de fazer para proporcionar a sua alegria; sou soprador de barriga e colecionador de gargalhadas, mesmo fazendo tudo errado, querendo sempre acertar não acerto, sou ruim de mira, não tenho sorte, não jogo na loteria. 

Na verdade só tenho algo que faz qualquer papai ou mamãe se tornar especial e insubstituível para o seu filho, o AMOR, só ele para não tornar o pior papai do mundo. Concorda?


Comentários
18 Comentários

18 comentários:

  1. E amigo não temos fórmulas pra isso realmente e muito menos seguir o que estudos falam, pessoas e etc falam. Só nos mesmos podemos ver o que é melhor para nossos filhos. Não somos perfeitos. Então relaxa enquanto a isso. Só amor já basta, o carinho e a atenção. E ninguém tem que se meter em nada. Absorva só o que achar necessário. E sejam felizes. Beijo no coração.

    ResponderExcluir
  2. Meu amigo Nicácio excelente abordagem, afinal, não existe o pai perfeito, e realmente oque importa é a presença e o amor para com suas crianças.

    ResponderExcluir
  3. Meu amigo Nicácio excelente abordagem, afinal, não existe o pai perfeito, e realmente oque importa é a presença e o amor para com suas crianças.

    ResponderExcluir
  4. Amigo: Culpa é algo que não devemos carregar na criação e educação de nossos filhos. Fazemos sempre o nosso melhor e não importa se aos olhos dos outros estamos fazendo bem ou não. O que importa é, como você mencionou, que tenha o AMOR envolvido. Não existe a perfeição (alias, se existisse, nossos filhos seriam um é no saco!) Aproveite e ame cada um destes momentos com seu filhos, errando ou acertando!

    ResponderExcluir
  5. Não existem formulas prontas, o melhor jeito é educar com amor, carinho e presença.

    ResponderExcluir
  6. Nicacio. Pai e mães perfeitos não existem. E para nossos filhos somos sim os melhores pais do mundo!! Isso q importa. Beijao

    ResponderExcluir
  7. Concordo com tudo o que disse. Não existe fórmulas, truques ou qualquer coisa que seja. Ser perfeito na função de pai/mãe é irreal. E quer saber? É o que nos faz ser os melhores pais/mães que nossos filhos possam ter. Beijos

    ResponderExcluir
  8. Erramos e vamos errar varias vezes. O importante é saber corrigir a rota e prosseguir. Sem culpas... So aprendizado.
    Deia Tomaz
    www.lancheiradojoao.com

    ResponderExcluir
  9. Não procure a perfeição, não idealize uma paternidade real e continue seguindo teu coração que tudo dará certo! Tu és um pai muito amoroso e presente, sabe das tuas limitações e isso é o que importa.

    ResponderExcluir
  10. Sigo apenas meus instintos maternos e só depois saberei se estou certa ou errada.
    @nossasaogemeos.

    ResponderExcluir
  11. Com certeza a melhor de todas as receitas é o amor, no mais é sentir com o coração e fazer o melhor que puder.

    ResponderExcluir
  12. Com certeza! O amor é a melhor opção de conduta quando o assunto é criação e educação de filhos! Parabéns, Nicacio!
    Bj
    Juliana Carreras
    www.mamaerobo.com

    ResponderExcluir
  13. Não existe pais e mães perfeitos e não tem manual é errando que apreendemos..

    ResponderExcluir
  14. Não existe uma fórmula mágica, você tem que fazer o que você acha o correto.
    Mari
    Vamosmamaes.com.br

    ResponderExcluir
  15. É difícil criar filho com tantas opiniões e estudos sobre como devemos criá-los.

    Jacky Lima
    Blog maternidade sem frescura

    ResponderExcluir
  16. Com certeza fórmulas não existem, o que existe é o que fazemos para eles e que achamos certos, e isso sempre vaubter aquele do outro lado para parabenizar ou criticar.

    Michele Gobbato - Espaço das Mamães

    ResponderExcluir
  17. Não existem fórmulas e sim amor! Culpa não! amor sim!

    ResponderExcluir
  18. Realmente não existem fórmulas secretas, existe o que o nosso coração nos diz, nosso instinto. E seguimos na certeza de que tentamos fazer o nosso melhor sempre. Com o amor maior do mundo!

    Beijos Mila (@mundodamae)

    ResponderExcluir